QUARTO DE BEBÊ SEM BERÇO, VOCÊ JÁ OUVIU FALAR?


Entrevista para o programa Amazônia Mulher

Entrevista para o programa Amazônia Mulher

O projeto para quarto de bebê,  apresentado no programa Amazônia Mulher, foi um sucesso. Todos gostaram da proposta de um novo conceito para quarto de criança. Querem saber como foi essa história? Então confiram o post!

SAM_3214

Entrevista para o programa Amazônia Mulher

SAM_3238

Paulinha Araújo, simpática apresentadora!

Quando eu tinha 10 anos estava brincando com meu irmão, que na época tinha 4 anos, e resolvi entrar dentro do berço dele para me esconder. Fiquei lá por cerca de uns 2 min e foi o suficiente para nunca mais querer entrar lá dentro. A sensação de limitação e de claustrofobia tomaram conta de mim. Desde esse dia  resolvi que quando eu tivesse meus filhos eles nunca iriam precisar ficar dentro de um berço.

Quando o programa Amazônia Mulher me chamou para apresentar um projeto para quarto de bebê resolvi que seria baseado nas minhas observações adquiridas com a experiência de quando eu tinha 10 anos e segundo o método Montessoriano. Conclusão: foi um grande sucesso!

O quarto projetado sob os conceitos da pedagogia MONTESSORI tem características peculiares, tais como:

Berço/cama:

3

Projeto de Marcela Aureliano

Berços, segundo Maria Montessori, são limitadores de movimento, de exploração nata das crianças. Se elas querem pegar algo precisam escalar o berço ou chorar para a sua mãe. Um colchão no chão ou uma cama de altura baixa possibilitaria a sua locomoção e exploração do universo e ganho de autonomia.

Evidentemente que o local deve ser seguro e não deve haver móveis ou estantes que possam cair, as quinas e tomadas devem estar protegidas.

A criança deve habituar-se à cama desde cedo, por isso a utilização de um colchão no chão. Assim, haverá menos obstáculos para ela entrar e sair sozinha; ela desenvolverá, desde cedo, a noção do espaço e sua delimitação. A aquisisão de autonomia, o ir e vir, será naturalmente estimulada. Sem contar que, com o tempo, seria um facilitador para ela aprender e arrumar a própria cama.

Os ambientes segundo a pedagogia Montessori têm suas funções. Nada é por acaso e sem pensar no melhor para a criança. Vamos agora analisar cada cantinho desse quarto e entender a sua aplicação na vida dos pimpolhos.

Cantinho da autoestima

8

Projeto de Marcela Aureliano

O espelho: a presença do espelho é de grande importância para a estimulação do bebê, pois ela  aprende a partir da observação. É um grande facilitador para estimular a criança a cuidar de si mesma e a trabalhar a a sua auto-estima.

Cantinho da família

16

Um cantinho reservado para pendurar fotografias da família irá estimular, visualmente, os sentimentos de amor e gratidão. A importância da família deve ser trabalhada desde cedo na criança.

Cantinho da natureza

17

Ter um aquário com peixinhos, ou mesmo um vaso com plantas desenvolve na criança a consciência de cuidado e proteção desde cedo. Ela aprende a cuidar dos animais, a dar comida e a observar o desenvolvimento da vida. É importante pedir a criança que alimente o peixe ou regue a planta. Fazer isso junto à criança é de suma importância. Ela adora.

Cantinho de leitura e artes

4

Projeto de Marcela Aureliano

Mesa na altura da criança com livros à sua disposição e alguns materiais para desenhar e pintar.

MATERIAIS UTILIZADOS

Além desse novo conceito, o quarto foi todo projetado utilizando materiais ecologicamente corretos. É muito importante que o profissional de designer de interiores preocupe-se com o meio ambiente no momento de projetar. Mas não só isso! A saúde do seu cliente também deve fazer parte dessa preocupação. Utilizar materiais feitos com produtos naturais é de suma importância, principalmente quando o cliente é apenas uma criança. Confiram os materiais utilizados!

cochão colagem

piso colagem

tinta colagem

E aí pessoal, gostaram do projeto?  Um grande abraço e até a próxima!

Fontes:

59 comentários sobre “QUARTO DE BEBÊ SEM BERÇO, VOCÊ JÁ OUVIU FALAR?

  1. Pingback: Repensando o ninho: o quarto Montessoriano | maeneiradeser

  2. Ei, bom dia. Adoreeei essa idéia e estou estudando um quarto nesse modelo para meu menino. Me interessei muito pelo colchão… onde você comprou? 😀

  3. Oi Marcela!
    Montei um quarto montessoriano pro meu filho que tem um futon da biofuton. Imaginamos que ele só fosse sair do nosso quarto lá oro décimo mês de vida, mas houve uma reviravolta e ele já vai, com 5 meses, pro quarto. Meu receio é de ele dormir no futon. Não há riscos de ele se sufocar?

    Obrigada.

    • Olá Juliana, desculpa a demora em responder. Não entendi bem a sua pergunta. O seu futon é muito fofo? É importante deixar uma babá eletrônica perto dele para que vc possa ouvir algo. Não sou muito a favor de bebezinhos tão novinhos dormirem sozinhos, mas cada caso é um caso. Se vc não se sente segura para fazer tal coisa é pq o momento não chegou. Mas é muito difícil a criança se sufocar assim.

      Bjos

  4. Oi Marcela, estou montando este quarto pro meu filho de 1 ano e gostaria de saber qual madeira utilizo pra fazer o retangulo e se a medida dele é a mesma do colchao,tanto largura qto comprimento e tambem como fixa-lo ao teto. Mha cidade é pequena nao tem mta gente especializado, por isso pra fazer preciso explicar todos os detalhes..rs Se puder me ajudar, agradeço..E parabens pelo belissimo trabalho.bjs Lilian

  5. Olá, como vai? Por favor, estou grávida e querendo utilizar este método porém tenho dúvidas quanto a bebes recém nascidos. Dá utilizar a cama no chao desde o 1o dia? Penso na dificuldade de levantar e abaixar, e o bebezinho ainda nao se mexe sozinho. Vc aconselha partir p esse método um pouco mais tarde ou não?
    Obrigada

    • Olá íres, sim dá para utilizar com bebezinho recém nascido, desde que você não tenha feito cesariana, já que terá que passar uns 15 dias de repouso. Mas olha, nem se preocupa, pois nos primeiros dias o bebê dorme coladinho com a mãe, e esse é o melhor local para o seu filho dormir nos primeiros meses, quando ele ainda está se adaptando ao mundo e a viver fora da barriga. O quartinho será usado apenas depois.
      Grande beijo

  6. Oi Marcela ! Simplesmente lindo esse projeto…. Qual a medida do futton que você utilizou? Na foto parece até de casal, porém comparando com os EVAs do chão não consegui identificar 🙂

    Obrigado

  7. Olá Marcela,

    Amei seu projeto, parabéns.
    Estou aplicando esse método para minha filha, mto legal !
    Como fez esse mosqueteiro? teria o projeto para me ajudar?
    não acho !

    Att

    • Oi Bruna, esse mosqueteiro um marceneiro de sua confiança pode fazer. Pede para ele fazer essa estrutura retangular, pendura no teto e pronto. O tecido você comprar e pede para uma costureira fazer com as medidas do mosqueteiro, com uma grande sobra, claro!
      bjos

  8. Oi Marcela, Parabéns!Achei lindo e perfeito. Um ambiente super confortável e leve ao mesmo tempo…Amei. A minha dúvida é com relação ao espelho, pode ser em outra parede ou tem que ser assim como vc colocou próximo do colchão? Tenho um filho de 1 ano e 7 meses e quero montar um quartinho assim pra ele.
    Muito obrigada e Sucesso!!!

    • Olá Leila, muitíssimo obrigada!

      Olha, com relação ao espelho, você pode colocar em outro local sim. Sem problemas. Lembrando que ele tem que estar bem fixo na parede. Eu recomendo usar espelho adesivo. Tem para vender em várias lojas que vendem coisas para casa e pela internet também.
      Sucesso no quartinho do seu baby. Envia fotos depois.
      Bjos

  9. Amei o quarto! Meu marido e eu estamos nos inspirando nesse para reformular o quarto da nossa filha! Teria como vc me passar a medida do espelho? Obrigada desde já!

  10. Olá! Amei o projeto!!!
    Gostaria de saber do piso laminado se dá pra colocar por cima de piso frio. O da minha casa nos quartos é piso frio e não quero fazer reforma, pensei em trocar somente no do bebê! Será que consigo? O custo é muito alto?!
    Obrigada!!!

    • Oi Eryca, esse mosquiteiro você pode pedir para um marceneiro fazer a armação. Depois é só comprar o tecido, tirar as medidas e levar para uma costureira. Um mosquiteiro tradicional, daqueles que compramos prontos serve perfeitamente também.
      Grande abraço

  11. Oi Marcela, que projeto lindo! Parabéns! Estou grávida e muito interessada nesse conceito de quarto. É libertador. Por coincidencia, ou por destino, no nosso quarto de TV que agora vai virar o quartinho do baby, temos um futton de casal da Futton Company (conhece?). Minha dúvida inicial é se ele é de um material adequado para que o bebê durma. Você poderia me ajudar? Bom, sanada essa dúvida acho que posso começar a pensar neste projetinho lindo! Muito obrigada, Ju.

    • Oi Judite, obrigada. Fico muito feliz!
      Em relação a essa marca eu não conhecia. Entrei no site para ver. Vi que eles não especificam de forma detalhada o material utilizado. Mas pelo que percebi a qualidade é muito boa. Acredito que não seja 100% natural. O importante, no seu caso, é que o quarto seja seguro e arejado. Aproveite o futton que já possui e solte a imaginação. Lembre-se de usar lençóis de algodão puro para o seu bebezinho.
      Parabéns pela sua gestação. Muita saúde para você e o bebê.
      Grande abraço!

  12. Pingback: Cuca Amorim :: O universo de uma artista grávida

  13. Olá, querida! Estou grávida de só dois meses, mas essa ideia já é a oficial, o cantinho do meu bebê será assim! Mas queria te perguntar uma coisa.. No meu caso, não terei cômodos suficientes em casa pra fazer um quarto inteiro só pro bebê, então pensei em ter minha cama e deixar o resto do quarto adaptado ao bebê. Você tem alguma dica pra me dar, pra aumentar a segurança e tudo mais? Obrigada! Beijinhos!

    • Olá Bruna, primeiramente parabéns pela sua gravidez. Muita saúde para vocês dois e que sua gestação seja tranquila e cheia de alegria.
      Em relação ao quarto conjunto, seu e do bebê, não vejo problema disso acontecer. Mas a dica que eu dou, já que você quer um quartinho sem berço e com segurança, é que a sua cama também fique no chão. Eu colocaria um tablado na sua cama, para ficar mais bonitinho. Importante lembrar que as quinas dos móveis, como também do tablado, sejam arredondadas.
      Qualquer dúvida entra em contato através do meu e-mail: marcelaaurelianocriações@gmail.com
      No que eu puder ajudar estarei à disposição.
      Boa sorte na sua nova jornada!
      Abraços.

  14. Marcela, tudo bem? Querida, primeiramente quero parabenizar pelo impressionante projeto! Você realmente deveria se especializar em arquitetura montessoriana, pois é um nicho de mercado pouco explorado e MUUUUUUUITAS escolas procuraram arquitetos ou decoradores que entendam do assunto, e é raro encontrar. Muito obrigada por disponibilizar esse projeto. Vou ver consigo colocar em prática o seu projeto, só estou um pouco apavorada com os custos. Qual foi o tamanho do colchão tipo futon utilizado, você pode me informar, por favor? DEUS a abençoe! :*

  15. Olá! Eu fiquei encantada com o quarto, realmente lindo e aconchegante! Será que vocês poderiam indicar onde encontrar o guarda-roupa e o trocador? Achei belíssimos! Muito obrigada!

  16. Muito legal esse quarto e adorei a ideia!!! Estou grávida e começando a pensar no quarto… Mas, surgiu uma questão sobre a funcionalidade desse quarto. A dificuldade (e o perigo) de pegar a criança no colchão e levantar… o que pensa?

  17. Excelente projeto! Muito bonito e aconchegante, Melhor ainda porque é funcional e estimulante para o desenvolvimento da criança.
    Uma cliente minha encomendou gansos como estes que viu aqui.. Fiz dois gansos em madeira e vou publicar um post com fotos dos móbiles. Como a inspiração veio daqui, posso mencionar o seu blog e colocar o link deste projeto no meu post?
    Bj…Bj
    artemadeiraevida.blogspot.com

    • Olá Marysaura, você está certíssima! Mas eu coloquei esse tipo de cadeira porque quando fiz o projeto em 3D não encontrei um bloco que fosse uma cadeira de balanço com os pés fixos, que não causam riscos a criançada. Teve que ficar essa como modelo de cadeira de balanço. Muito boa a sua observação! Obrigada pelo comentário e fique atenta as novidade.
      Grande abraço e fique em paz!

  18. Amei o projeto. Adotei o método Montessoriano desde que conheci em grupo no facebook que uma amiga me indicou. Nunca gostei de berço e o meu Bb detestava, acordava e percebia que estava no berço berrava num desespero sem igual.
    Parabéns pelo projeto!
    Aqui na minha região não encontrei nenhuma design ou arquiteta que conhecesse e acreditasse no método, por isso eu de “curiosa” tenho adaptado em casa o Montessoriano.
    Sucesso!
    Bj

  19. Uma dúvida???? Bebês “rolam”, não existe nada que delimite o espaço para que o bebê não caia de cabeça no chão? Estou grávida de 7 meses e montando o quarto da minha filha. Gostaria de saber mais sobre este conceito.

    • Olá Caroline, sua dúvida é a de muitas mamães. Um colchão no chão evita que o bebê ao cair da “cama” tenha um acidente, já que ele irá cair de uma altura de, no máximo, uns 15
      cm.
      Mas é necessário sim colocar uma proteção, tanto em colchões no chão, quanto num berço tradicional. Para isso é usado almofadas protetoras para recém nascidos. A maioria das mães compram, para o enxoval, almofadas cilíndricas e as colocam em volta do bebê.
      Ao fazer esse projeto pensei muito nisso e encontrei muitas coisas bacanas no mercado. Uma delas é esse tipo de almofada:
      http://nazare.olx.pt/protege-bebe-para-sonhos-descansados-iid-433390367
      Outra dica é colocar um tapete antialérgico e confortável ao redor do colchão. Isso evita o frio do chão e que, se ao cair (rolando), ele tenha uma proteção.
      No final do post coloquei os sites que fiz a pesquisa, são muito bacanas e têm várias dicas. Neles você também poderá se aprofundar no assunto.
      Espero ter ajudando.
      Grande abraço e fique em paz!

    • Oi Lívia, obrigada, que bom que gostou do projeto! Sua opinião é muito importante para o blog.
      A mesinha é linda, não é? Tenho o projeto em 3D. De um lado serve para a área de artes e do outro leituras. Excelente para ambientes pequenos.
      Grande abraço e fique em paz!

  20. Achei muito interessante eu nunca tinha escutado nada referente a esse assunto, sinceramente adorei a novidade, mas queria saber a partir de qual idade fazer isso, se é correto colocar desde bebe (recém nascido).

    Ótima matéria! Abraços!

    • Olá Tâmara!
      A pedagogia Montessori, quando aplicada em ambientes residenciais, pode ser iniciada com o bebê recém nascido. É sempre bom lembrar dos itens de segurança que fazem parte desse quarto. Como é um quarto totalmente voltado para a criança, devemos ter alguns cuidados especiais.
      Obrigada pelo seu comentário, é muito importante para o blog.
      Grande abraço e fique em paz!

  21. Marcela, o ambiente preparado é uma das características mais importantes do método Montessori. É fantástico ver que esta possibilidade de educação está se espalhando e vem fazendo sentido para cada vez mais famílias. Fico grato por seu post, pela reportagem e pela referência ao Lar Montessori. Você será sempre bem vinda lá e em nossos círculos de debate!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s